ORGRAMS

ORGRAMS são programas (com duração de 6 a 9 dias ao longo de 4 meses), colaborativos e imersivos, no âmbito dos quais co-desenhamos um futuro completamente positivo e identificamos e procuramos aumentar as sinergias transversais no contexto de um desafio concreto.

Trabalhamos para o sector do turismo, com enfoque nos futuros serviços que este setor precisa de oferecer, tendo em vista as transformações emergentes e necessárias nas áreas do lazer e do trabalho.

Os ORGRAMS são Experiências que convidam a Transformação:
Através destes programas a REBUNDANCE cria espaços seguros para o sector de Turismo se ligar, apoiar, partilhar e alimentar o espírito de inovação e para aumentar a capacitação para a transformação do sector do Turismo, de um modo inclusivo. Estes programas estão estruturados em torno de três qualidades humanas: curiosidade para compreender o sistema, compaixão para nos ligarmos ao sistema e coragem para atuarmos no sistema.

As competências que os participantes adquirem incluem:

Transformação Pessoal:Com ferramentas e experiências que promovem a transformação pessoal, os participantes são capacitados na liderança de si mesmos, consolidando a coerência entre propósito e ação.

Transformação Profissional: Com ferramentas e experiências que promovem a transformação profissional, os participantes são capacitados na liderança das suas equipas a aplicar a aprendizagem no desenvolvimento de soluções concretas para desafios prementes no sector.

Experiências que nos tocam: Os ORGRAMS são experiências cuidadosamente desenhadas e realizadas que permitem conectar com o nosso propósito, assim como com outras pessoas que estão ativas no sistema, de modo significativo. Estas experiências integram momentos que são:

Inspiradores - transitamos para a mentalidade da abundância que nos disponibiliza novas forças motrizes.

Colaborativos - ligamo-nos a outras pessoas de igual para igual, largando as máscaras que nos protegem habitualmente e abandonando a mentalidade competitiva.

Divertidos - rendemo-nos à ousadia, exploramos o absurdo e o ridículo, desafiamos os fundamentos sobre os quais construímos a nossa realidade, o que resulta na descoberta de novos mundos e possibilidades.

Intensos - abraçamos as perguntas que mexem connosco, seguimos o seu caminho em profundidade e abrem-se novos espaços para o nosso desenvolvimento.

Abertos - rendendo-nos à curiosidade que abre novos caminhos para a nossa transformação.

Perspicazes - o contexto familiar parece-nos novo - em parte porque mudamos a nossa perspectiva e, em parte, porque de repente conseguimos percebemos este contexto num enquadramento mais lato que nos faz sentido.

Arrojado - caminhar conscientemente no sentido do futuro mais positivo que conseguimos imaginar.

Desconfortáveis - convida-nos a alargar as barreiras do sistema que nos aprisiona e protege, provocando simultaneamente desconforto e espanto, enquanto exploramos as franjas onde emerge a inovação.

Cativantes - conectamos atores cuja capacidade de imacte transformacional no sistema se potencia.

Transformadores - deixamo-nos guiar pelo nosso propósito, nos sonhos, nos planos, nas ações e na celebração, vivendo uma vida genuína.

pt_PT
en_US pt_PT